cintia Cintia

Todos os artigos de cintia

 

Conheça 5 motivos para NÃO tomar refrigerante | Saiba mais

Que o refrigerante faz mal, acho que isso não é mais nenhuma novidade. Mas mesmo assim, segundo o Ministério da Saúde, ele é o sexto alimento mais consumido entre os brasileiros. O que muitos não sabem é que o seu consumo está relacionado a um aumento de mortes prematuras. Como assim? Essa informação surgiu após a realização do maior estudo pan-europeu. Os pesquisadores identificaram que as mortes por doenças circulatórias eram constantes em pessoas que consumiam refrigerantes de baixa ou zero caloria. O índice de mortalidade foi maior entre pessoas que bebem dois ou mais copos de refrigerantes por dia, em relação aos que consumiam menos de um copo por mês. Uma dica! Como você já deve ter percebido, não adianta você trocar a versão comum pelo zero ou light e achar que o seu consumo está sendo menos prejudicial. Independentemente de como você for consumi-lo o, refrigerante faz mal e ele está ligado a inúmeros malefícios. Confira abaixo os 5 motivos, apontados pela ciência para abandonar o hábito: Causa obesidade O refresco possui em sua composição um ingrediente chamado xarope de milho, ele possui uma alta concentração de dulçor  Por conta disso, ele é apontado no mundo como um dos fatores responsáveis pela obesidade, principalmente infantil. Seu consumo em excesso pode trazer problemas inflamatórios e afetar os vasos sanguíneos. Provoca dependência Ao consumirmos açúcar, o nosso paladar fica literalmente viciado no dulçor e, por conta disso, ativamos o sistema de recompensa, que faz com que libere os neurotransmissores. E toda vez que ingerimos esse açúcar, nosso organismo entende que precisamos de mais e mais, para satisfazer nossos desejos. Escurece os dentes O refrigerante faz mal para a camada protetora dos dentes, por conta do açúcar, e de seus ácidos presentes em sua composição.   Suas consequências mais comuns são: sensibilidade, gengivite e cáries. É prejudicial ao fígado Um dos perigos do consumo excessivo de refrigerante açucarado é a esteatose hepática, o que denominamos como acúmulo de gordura no fígado, que pode evoluir para a cirrose. O açúcar ingerido será armazenado pelo fígado e depois liberado na corrente sanguínea em forma de ácidos graxos. Nosso corpo irá absorver os ácidos graxos em vários órgãos, inclusive, no fígado.   Insônia Alguns refrigerantes possuem em sua composição a cafeína, o que denominamos como estimulante. Esse composto também está presente no café, ambos são prejudicais e fazem com que você perca o seu sono. Último ponto! Para viver bem é fundamental sentir-se seguro, para isso não basta evitar o consumo de refrigerante. Adquirir um plano de saúde, pode ser o primeiro passo para você começar a cuidar do seu bem-estar. Viva bem e seja feliz! Faça agora uma cotação gratuita com a gente e conheça os nossos serviços....
Continue lendo ...  

Setembro Amarelo | Mitos sobre o suicídio

Você sabe o que leva um ser humano a se matar? O setembro Amarelo é uma forma de mostrar a sociedade, quais são esses motivos. Vamos aprofundar um pouco mais o assunto… Para falar a verdade as pessoas que cometem o suicídio, não possuem a morte como um objetivo, mas sim o “fim” de seus problemas e é através da morte que acham que irão ter uma solução. Essa atitude, pode ter várias causas: Culpa, remorso, medo, depressão, ansiedade, humilhação, entre outros. Na campanha de conscientização um dos objetivos é mostrar a pessoa que está pensando em cometer o suicídio, que ela não está sozinha e que existem inúmeras formas de se recuperar desse problema, sem precisar tirar a sua própria vida.  A sociedade muitas vezes pensa que o suicídio é silencioso e que ele não possui sinais, mas essa afirmação é falsa! O setembro Amarelo, por sua vez, diz que os suicídios são planejados e que as pessoas dão sim sinais de que pensam em se matar. Muitas vezes, essas pessoas pedem ajuda de maneiras conscientes e inconscientes e reconhecer esses sinais é fundamental, para prevenir uma tentativa de suicídio e salvar a vítima. Setembro amarelo e os seus mitos sobre o suicídio Quando falamos em setembro Amarelo, não podemos deixar de citar alguns mitos que circulam sobre esse assunto e que acabam atrapalhando os profissionais de saúde. Essas lendas, acabam aumentando os ricos das pessoas a cometerem o suicídio e a ficarem sem ajuda, por isso é essencial detectá-los, para poder amparar a pessoa que está necessitando de ajuda. Confira abaixo os principais mitos que circulam sobre o assunto: Quem ameaça não faz Geralmente as pessoas comunicam sua intenção antes do ato, raramente é sem avisos. Não há como impedir Sempre há como impedir e existe tratamento para aliviar o sofrimento psicológico. Quem se suicida é fraco Esse é um dos mitos, mais comentados, porque ajuda a alimentar a ideia de que doenças psicológicas não existem e que pessoas que estão passando por esse transtorno, são fracas e só querem chamar atenção. Como buscar ajuda? Caso você note algum desses sinais é essencial conversar com a pessoa sobre suicídio e a incentivar a buscar ajuda de um profissional. Procure não julgar e nem condenar a pessoa, pois os sintomas suicidas são indícios e não uma escolha. Por isso, procure não decepcioná-la dizendo que o suicídio é covardia, que ele não existe ou que é apenas uma fraqueza. Gostou da matéria? Continue acompanhado o blog Valor de Planos de Saúde! Aqui você fica por dentro dos assuntos que estão sendo repercutidos pela mídia. E aproveitando o gancho, que tal adquirir um plano de saúde? Já pensou em contratar uma boa operadora de plano de saúde? E o melhor, com um preço que cabe no seu bolso!  ...
Continue lendo ...  

Cigarros eletrônicos podem me ajudar a parar de fumar?

Parece até piada, mas os cigarros eletrônicos podem ser uma opção para quem quer parar de fumar. Essa informação surgiu após um estudo publicado no periódico New England Journal of Medicine. Os pesquisadores descobriram que pessoas que tinham optado em usar cigarros eletrônicos, tiveram quase duas vezes mais chances de terem sucesso, do que aqueles que escolheram a terapia tradicional. Mas não se precipite com essa informação, ela pode ser uma porta de entrada para o consumo do cigarro habitual, principalmente para o público mais jovem. Para ex-fumantes, estes produtos impõem risco de recaídas, pois eles dificultam a consolidação de tentativas de cessação. E eu posso consumir cigarros eletrônicos no Brasil? A resposta é não! No Brasil sua comercialização é proibida, devido a medida adotada em 2009, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Essa proibição é uma forma de precaução, até porque os cigarros eletrônicos não possuem segurança e nem uma eficácia comprovada. Contudo, mesmo com essa regra, o consumo de cigarros existe e não é proibido a compra e sua comercialização. Muitas pessoas conseguem usufruir da mercadoria sem muitas restrições. O preço geralmente varia entre R$100,00 a R$500,00, dependendo da marca. Quais os riscos? Os cigarros eletrônicos possuem substâncias cancerígenas com consequências tóxicas ainda desconhecidas. Seus efeitos de longo prazo na saúde, ainda não foram completamente estudados. A forma como o produto é divulgado em alguns países, causa uma pequena alienação nas pessoas, pois as levam a acreditarem que é um produto menos nocivo do que os cigarros tradicionais e que com eles realmente irão conseguir parar de fumar. Nos Estados Unidos o produto é liberado, e a procura cresce cada vez mais, principalmente entre os jovens. Com a oferta de oito sabores viciantes como hortelã, manga, crème brûlée, pepino e mix de frutas. Independente de seu sabor, o consumo de cigarros eletrônicos não é recomendado seja em um país que o uso dele é liberado ou em um país como o nosso, que a sua comercialização é proibida. Qualquer produto derivado do tabaco causa dependência e é prejudicial à saúde. Deseja parar de fumar? Procure por um especialista, veja quais são as medidas mais aconselháveis. Faça já um plano de saúde e livre- se do tabagismo! Acesse agora o Plano de Saúde Populares. Referência: Cigarros eletrônicos ajudam ou atrapalham a cessação do tabagismo? – Medscape – 22 de agosto de 2019....
Continue lendo ...  

Infecção de urina | Descubra os 05 mitos e verdades mais populares

Se você já sofreu de infecção de urina, então sabe como é horrível sentir essa dor. E, para acabar com este problema vamos desvendar alguns mitos e verdades sobre o assunto. A infecção urinaria é um problema comum que atinge principalmente as mulheres, porque a anatomia feminina proporciona uma maior proximidade da uretra em relação ao ânus e a vagina. Os sintomas mais comuns de infecção urinaria são: ardência ao urinar e urgência miccional. Ou seja, quando a pessoa está com infecção, ela sente dores no “pé da barriga” e vai ao banheiro várias vezes. Em situações mais graves, pode acontecer da urina ficar avermelhada e com sangue. Por isso, é necessário um diagnóstico preciso e um tratamento adequado, para que o paciente dê início na sua recuperação. Por ser uma doença comum, existem muitas informações falsas a respeito, que podem afetar demais a saúde e impedir que o paciente faça um tratamento adequado. Para isso, selecionamos os 5 mitos e verdades mais comuns sobre a infecção de urina. Confira os mitos e verdades sobre a infecção de urina Pergunta: A urina é turva e tem um cheiro ruim? Mito! Na verdade, acor, clareza e odor da urina, não devem servir para diagnosticar uma infecção de urina. Pergunta: Alterações do estado mental em pacientes de 3º idade, pode ser um sintoma de infecção urinária? Verdade! As alterações do estado mental em pacientes de 3° idade, podem ser sintomas de infecção urinária, mas é preciso ficar atento porque estes sintomas também estão ligados a outras doenças. Pergunta: Urinar depois do ato sexual evita infecção de urina? Verdade! Após a relação sexual, urinar pode ajudar a eliminar as possíveis bactérias que se acumulam durante o ato sexual. Pergunta: Ter bactérias na urina significa que estou com infecção de urina? Mito! A presença de bactérias na urina no exame microscópico não é uma identificação de infecção urinária, devido à possibilidade de contaminação e bacteriúria assintomática. Pergunta: Usar biquíni molhado por muito tempo pode dar infecção de urina? Verdade! O uso prolongado de peças molhadas como biquínis ou bermudas, aumentam a chance de contrair a infecção, por conta da proliferação das bactérias agressoras no sistema urinário. Agora que você já sabe algumas lendas que envolvem a infecção de urina, que tal adquirir um plano de saúde? Assim, você consegue cuidar de sua saúde e proteger quem você ama. Acesse o site Valor e adquira o melhor plano de saúde. Nós temos os melhores preços e facilidades do mercado!...
Continue lendo ...  

Menstruação atrasada? Descubra os principais sintomas de gravidez

Quando a menstruação atrasa a primeira coisa que a maioria das mulheres pensam é que estão grávidas, estou errada? Geralmente, isso acontece porque o atraso da menstruação, costuma ser um dos sintomas de gravidez mais clássico do primeiro trimestre. Mas nem sempre o atraso significa isso. A gravidez é uma transformação que se manifesta de diferentes formas no corpo da mulher. Alguns deles são mais evidentes, outros mais silenciosos e poucos associados a uma possível gravidez, como ter as veias do braço mais evidente e o excesso de saliva. Afinal, o organismo da futura mamãe precisa se adequar aos insumos biológicos para a formação do bebê. Preste atenção no seu ciclo! Para começar é preciso entender e saber diferenciar os sintomas de gravidez com ciclo irregular. O retardo pode significar somente um ciclo menstrual irregular, isso ocorre porque o corpo da mulher ao longo do mês passa por uma série de mudanças. Um ciclo considerado “normal” costuma durar entre 25 a 30 dias. Se esse número ultrapassar essa média, uma das principais causas justificáveis são: Pílula anticoncepcional do dia seguinte, estresse, obesidade, dietas,  dormir pouco, tabagismo, álcool, entre outros. Essas modificações na rotina, podem ocasionar alteração no intervalo da menstruação, seja para mais ou para menos. Se a mulher estiver grávida o corpo começa a dar sinais de que  tem uma gestação em vista e é assim que surgem os primeiros sintomas de gravidez. No entanto alguns sintomas de gravidez são facilmente perceptíveis, outros demoram um pouco para aparecer, e por esse motivo a maioria das mulheres só percebem que estão grávidas a partir do atraso da menstruação. Para que você tire suas todas as suas  dúvidas sobre o assunto, listamos os primeiros de gravidez. 09 sintomas de gravidez iniciais Atraso menstrual Enjoos Mamas maiores e sensíveis Pequeno sangramento Maior frequência urinária Aumento abdominal Prisão de ventre e aumento dos gases Desejos estranhos Instabilidade emocional De acordo com o Ministério da Saúde, normalmente os primeiros sintomas de gravidez aparecem quando o óvulo se instala na parede do útero, alguns dias depois da relação sexual ter acontecido. Por isso, independente dos sintomas que você esteja apresentando é importante procurar por uma assistência médica , para verificar se realmente é uma gravidez ou se é apenas um ciclo menstrual irregular. Não perca tempo! O Valor pode lhe ajudar a cuidar de sua saúde, garanta a sua consulta com um ginecologista por meio de um plano de saúde. Faça a sua cotação, o Valor possui uma equipe especializada em atendimento de planos de saúde, pronta para atender você....
Continue lendo ...