Dúvidas: Saiba como funciona a Portabilidade de Planos de Saúde

Dúvidas: Saiba como funciona a portabilidade de planos de saúde

Muitas pessoas têm dúvidas sobre como funciona a portabilidade entre planos de saúde. Sejam duvidas sobre carências ou taxas, todos querem evitar maiores gastos na mudança de convênio. Para tanto, respondemos as principais dúvidas, para que tenha uma base na hora de solicitar a transação.

Como funciona a portabilidade de planos de saúde?

Voce sabe o que é e como funciona a portabilidade? A portabilidade é a transferência, que um segurado pode solicitar, de um plano ou seguradora, para outra. Normalmente, ela é solicitada quando o segurado não está satisfeito com o plano atual, ou quando necessita de um plano que se adeque melhor ás suas necessidades.

Por exemplo. Você pode solicitar uma transferência do seu Plano de Saúde Bradesco, para o Plano de Saúde Amil. E pode também fazer uma migração do seu Plano de Saúde NotreDame dentro da própria seguradora, para outro plano.

Durante a portabilidade, o beneficiário tem a possibilidade de requerer alguns direitos e benefícios. Confira adiante, condições necessárias para solicitar a portabilidade e a suspensão ou diminuição da carência:

Quem pode solicitar a portabilidade?

Só é permitida a solicitação da portabilidade pelos segurados de planos individuais ou familiares. Para tanto é preciso que algumas exigências estejam cumpridas. Estar com o pagamento do atual plano, é essencial na hora de solicitar uma migração.

Obs.: Não é preciso pagar taxas, para nenhuma operadora, para efetuar a portabilidade.

O que é preciso para solicitar?

Para efetuar a migração, é preciso que o beneficiário tenha cumprido tempos específicos de permanência no contrato atual. Além disso, o pedido deve ser feito num período de 4 meses após o aniversário do contrato.

Caso seja sua primeira portabilidade, é necessário ter tido uma permanência de 2 á 3 anos no plano atual. Já, no caso de ser a segunda portabilidade, o tempo de permanência minima se restringe á um ano.

Sabia que um plano de saúde por oferecer diferentes oportunidades? Confira aqui porque é importante contratar um plano de saude!

Posso migrar para qualquer plano?

Não! É preciso que haja conformidade entre o plano atual e o escolhido. Para tanto, é preciso que o escolhido tenha preço equivalente ou inferior ao de origem. Caso o plano para o qual busca migrar tenha valor acima do atual, a seguradora pode estabelecer novos prazos de carência.

Esta em dúvida de qual plano escolher? Veja aqui, tudo que você precisa saber antes de contratar. Sua escolha tem que ser a melhor para á sua saúde.

Como funciona a portabilidade na administração da Carência?

Para planos contratados a partir de 1999, não não há necessidade de se submeter á novos períodos de Carência ou de Cobertura Parcial Temporária. Para tanto, é necessário que o segurado tenha cumprido o tempo necessário de vigência no plano atual. Normalmente este tempo equivale á seis meses.

Como funciona a Portabilidade Especial?

A portabilidade especial é requerida em três casos:

Pode ser solicitada em decorrência da operadora ter seu registro na ANS cancelado, sendo necessário efetuar a solicitação em até 60, pós-publicação pela ANS;

Dependente que perdeu vínculo com o titular;

Por aposentado ou ex-empregado demitido sem justa causa;

Para todos os casos acima, é preciso que a portabilidade seja solicitada em até 60, após o ocorrido.

Veja como fazer uma cotação de valores que se adeque ás suas necessidades.

Veja também